Portal NBA Brasil

Gosta de NBA, de discussões de alto nível sobre o melhor basquete do mundo?

Então, cadastre-se e faça parte desse novo espaço!

Galera reunida para discutir sobre o melhor basquete do mundo


NBA abre a temporada nesta terça com Lakers e Heat na mira dos rivais

Compartilhe
avatar
Eduardo Trigo
Admin

Data de nascimento : 06/05/1988
Idade : 29
Localização : Nova Friburgo-RJ

NBA abre a temporada nesta terça com Lakers e Heat na mira dos rivais

Mensagem por Eduardo Trigo em Ter Out 26, 2010 7:04 am

Atual campeão recebe o Houston Rockets, e Miami põe o supertrio em quadra contra o Boston; veja as previsões para cada uma das 30 equipes da liga

Por Rodrigo Alves Rio de Janeiro

Há alguns anos a NBA alimentava a expectativa pelo dia em que LeBron James mudaria e uniforme. Aconteceu. Na troca mais midiática da história da liga, o craque deixou Cleveland rumo a Miami, levando com ele Chris Bosh para formar um trio infernal ao lado de Dwyane Wade. Será que o super Heat vai engolir o Leste? E do outro lado, alguém é capaz de frear o campeão Kobe Bryant à frente do Los Angeles Lakers? O torcedor brasileiro tem ainda outras perguntas. Tiago Splitter vai causar impacto em San Antonio? Leandrinho, Varejão e Nenê vão se dar bem? As repostas começam a ser dadas nesta terça-feira, quando sobe a bola para a temporada 2010/11 da liga americana. Confira abaixo quem entra em quadra no dia da abertura e quais são as pretensões de cada um dos 30 times.


21h30m, Boston Celtics x Miami Heat – Maior atração da liga, o novíssimo Heat agora tem LeBron e Bosh ao lado de Wade, que volta após passar a pré-temporada no estaleiro. Do outro lado estará o Boston, jogando em casa, reforçado por Shaquille O’Neal e seu xará Jermaine.

0h, Portland Trail Blazers x Phoenix Suns – Sem Amare Stoudemire e Leandrinho, o Phoenix de Steve Nash abre sua nova fase apostando em Hedo Turkoglu, vice-campeão mundial com a Turquia. A equipe visita o promissor time dos Blazers, liderado pelo craque Brandon Roy.

0h30m, Los Angeles Lakers x Houston Rockets – Algoz do Brasil no Mundial, Luis Scola defende o Houston e tem de volta a companhia de Yao Ming no garrafão para enfrentar os atuais campeões. Kobe Bryant, Pau Gasol e Ron Artest abrem a campanha em busca do bi.

Confira abaixo quais são as pretensões para cada um dos 30 times da liga nas conferências Leste e Oeste.

CONFERÊNCIA OESTE

1º - Lakers
Os atuais campeões mantiveram a base em Los Angeles, com Kobe Bryant, Pau Gasol, Ron Artest, Lamar Odom e Andrew Bynum. Ainda contrataram o defensor Matt Barnes e continuam com status de time a ser batido na liga.

2º a 6º - Spurs, Thunder, Mavs, Blazers e Jazz
Este grupo de seis equipes briga para ameaçar os Lakers no Oeste. O San Antonio, além da chegada de Tiago Splitter, conta com Tony Parker e Manu Ginóbili saudáveis, já que não defenderam suas seleções nas férias. O Oklahoma City do craque Kevin Durant, astro do Mundial, já incomodou no ano passado e agora chega mais maduro para alçar voos altos. Em Dallas, Dirk Nowitzki também está descansado e tem a companhia de Tyson Chandler no garrafão. O promissor Portland joga sob o comando de Brandon Roy e torce para não ser atacado por lesões novamente. Por fim, o Utah perdeu Carlos Boozer, mas ganhou Al Jefferson, que promete brilhar no garrafão.

7º a 10º - Rockets, Suns, Hornets e Nuggets
As quarto franquias podem brigar por duas vagas nos playoffs. O Houston de Luis Scola tem a volta de Yao Ming, e a torcida espera que ele fique saudável. O Phoenix, sem Stoudemire e Leandrinho, aposta tudo em Hedo Turkoglu, que chega para ajudar Steve Nash. O New Orleans conta com Chris Paul, um dos melhores armadores do planeta. E o Denver do brasileiro Nenê ainda convive com boatos sobre a saída de Carmelo Anthony – o clima por lá não é dos melhores.

11º e 12º - Grizzlies e Clippers
Rudy Gay e Marc Gasol, que fizeram bonito no Mundial, são esperanças do Memphis para conquistar alguma coisa na temporada. O primo pobre de Los Angeles conta com Blake Griffin, que ficou fora da última temporada, por lesão, e finalmente inicia sua carreira na NBA.

13º a 15º - Kings, Warriors e Wolves
Apesar do talento de Tyreke Evans, a torcida não tem muito a festejar em Sacramento. O Golden State ainda perdeu o técnico Don Nelson. E o Minnesota viu sair Al Jefferson, enquanto ainda espera a chegada de Ricky Rubio, que continua na Europa.


CONFERÊNCIA LESTE

1º - Heat
Com LeBron, Wade e Bosh, o Miami passa a ser, ao menos no papel, o favorito para conquistar o Leste. Na pré-temporada, o elenco deu azar com lesões (Mike Miller, por exemplo, quebrou o dedo e deve passar um bom tempo no estaleiro). Se todos estiverem saudáveis, no entanto, vai ser difícil segurar.

2º e 3º - Magic e Celtics
Dwight Howard treinou com Hakeem Olajuwon nas férias e deve apresentar um repertório ofensivo melhor. O Orlando tem um bom ataque e um bom banco, é time para ser levado a sério. Assim como o Boston de Garnett, Rondo, Pierce e Allen. A equipe ainda se reforçou com os O’Neals – o gigante Shaq e seu xará Jermaine.

4º e 5º - Bulls e Hawks
O Chicago pegou Carlos Boozer para formar uma dupla interessante com Derrick Rose – sem falar em Joakim Noah, que melhora a cada ano. O Atlanta abriu o cofre para renovar com Joe Johnson. O elenco está mantido, e a tendência é de que continue sendo uma equipe perigosa.

6º a 8º - Bucks, Wizards e Knicks
Com um Bogut saudável, um Ilyasova empolgado depois do Mundial e os reforços de Drew Gooden e Corey Maggette, o Milwaukee promete incomodar. O Washington tem o retorno do encrenqueiro Gilbert Arenas, desta vez ao lado de John Wall, favorito ao prêmio de calouro do ano. O New York aposta na chegada de Amare Stoudemire para sair do buraco.

9º a 11º - Bobcats, 76ers e Pistons
Além de perder Tyson Chandler e Raymond Felton, o Charlotte ainda viu um Boris Diaw lento e pesado no Mundial. O Philadelphia espera tirar proveito das chegadas do técnico Doug Collins e do calouro Evan Turner, mas Andre Iguodala terá de carregar o time nas costas se quiser chegar a algum lugar. Em Detroit, ninguém acredita que Tracy McGrady possa operar o milagre. Deve ser mais uma temporada sem brilho.

12º a 15º - Nets, Pacers, Cavaliers e Raptors
O New Jersey contratou Avery Johnson como técnico, mas ainda depende muito da dupla Devin Harris e Brook Lopez. O Indiana tem um time jovem, fraco na defesa e acomodado. O Cleveland perdeu LeBron e deixou Anderson Varejão numa roubada. O brasileiro deve melhorar no campo individual, mas dificilmente brigará pelos playoffs. O mesmo vale para Leandrinho, que pode ganhar espaço em Toronto, mas, sem Bosh e Turkoglu, deve amargar derrota atrás de derrota.


Fonte: Globoesporte.com

    Data/hora atual: Sab Out 21, 2017 1:31 pm