Portal NBA Brasil

Gosta de NBA, de discussões de alto nível sobre o melhor basquete do mundo?

Então, cadastre-se e faça parte desse novo espaço!

Galera reunida para discutir sobre o melhor basquete do mundo

[Curiosidade] Os 30 times da NBA e seus nomes

Compartilhe

Eduardo Trigo
Admin

Data de nascimento: 06/05/1988
Idade: 26
Localização: Nova Friburgo-RJ

[Curiosidade] Os 30 times da NBA e seus nomes

Mensagem por Eduardo Trigo em Sex Out 08, 2010 1:20 pm

Publicado por Rubens Borges

O Hornets deveria se chamar Spirit, o Grizzlies quase recebeu o nome de Mounties. Alguns nomes são óbvios, alguns já foram óbvios, alguns parecem não ter conexões com as cidades. Os motivos por trás dos nomes das 30 equipes da NBA.

Atlanta Hawks – Em 1948 as cidades de Moline, Rock Island e Davenport, conhecidas com as cidades tri-gêmeas, receberam uma franquia da NBA. O time recebeu o nome de Blackhawks, em homenagem ao Chefe de uma tribo de índios Sioux de mesmo nome. Quando o time foi para Milwaukee, em 1952, foi diminuído para Hawks. O nome permaneceu quando a franquia foi para Saint Louis e, eventualmente, para Atlanta.

Boston Celtics – O então dono do time, Walter Brown, escolheu o nome pessoalmente, em detrimento de sugestões como: Whirlwinds, Olympians e Unicorns (imaginem o Kevin Garnett com um uniforme com o desenho de um unicórnio na frente. Brown gostava da tradição do nome originalmente usado pelo New York Celtics, o “Celtics Original” na década de 20.

Charlotte Bobcats – Nada muito misterioso sobre a origem do nome da nova franquia de Charlotte. Bobcats venceu um concurso para escolher o nome da nova equipe.

Chicago Bulls – Segundo a Enciclopédia do Chicago Bulls o dono da franquia, Richard Klein, procurava nomes que refletissem a situação de Chicago como uma cidade que vendia bastante carne para outros lugares nos Estados Unidos. Klein pensava em Matadors ou Toreadors quando seu filho pequeno falou “Pai, isto é besteira (bull em inglês)!”

Cleveland Cavaliers – Torcedores votaram no nome em uma pesquisa feita em 1970. Cavaliers são homens destemidos que nunca recusam um desafio.

Dallas Mavericks – Uma estação de rádio fez um concurso para escolher um nome para o time.

Denver Nuggets – Quando a equipe fazia parte da ABA, chamava-se Rockets. Quando foi para a NBA, em 1974, teve que procurar outro nome, já que Rockets já existia. Nuggets (pepitas de ouro) é uma alusão às tradições de mineradores da cidade e à “Corrida do Ouro” em 1850.

Detroit Pistons – O Pistons iniciarem em Fort Wayne, Indiana, conhecidos como o Zollner Pistons. O que é um pistão (Piston em inglês) Zollner? É um pistão fabricado por Frank Zollner que deu o nome de sua fábrica ao time. Quando a franquia mudou-se para Detroit (que, curiosamente, tem uma tradição em fábrica de carros), em 1957, ele tirou seu nome, mas manteve o Pistons.

Golden State Warriors – O time começou como Philadelphia Warriors (guerreiros), um nome um tanto óbvio para uma equipe. Quando a franquia mudou-se para Oakland, na Califórnia, chamou-se Golden State apelido oficial da Califórnia.

Houston Rockets – Originalmente localizado em San Diego o nome é uma referência ao apelido da cidade “A Cidade em Locomoção”. Quando a franquia foi para Houston, em 1971, o nome caiu como uma luva, já que, Houston era a casa do centro espacial da NASA.

Indiana Pacers – É uma referência a tradição de competições automotivas de Indianópolis, casa da famosa 500 milhas de Indianópolis.

Los Angeles Clippers – Clippers era um navio muito usado no século 19. Quando o time foi para San Diego, perto do mar, recebeu o nome, que continuou em Los Angeles.

Los Angeles Lakers – A franquia teve início em Minneapolis, a “Terra dos 10.000 Lagos” e ficou com o nome em Los Angeles.

Memphis Grizzlies – Quando Vancouver recebeu uma da primeiras franquias da Liga fora dos EUA, em 1994, os donos da equipe pretendiam chamá-la de Mounties, uma homenagem à polícia montada do Canadá. Um jornal local fez um concurso para nomear o time, Grizzlies (o urso pardo), nativo da região, venceu.

Quando equipe foi para Memphis, a FedEx (empresa de entregas) ofereceu US$ 120 milhões (R$ 207,4 milhões) para que o time se chamasse Express, a NBA rejeitou o negócio.

Miami Heat – Em 1986 os donos do time escolheram o nome entre mais de 20.000 mil sugestões enviadas por torcedores.

Milwaukee Bucks – Com a tradição de caça do estado do Wisconsin o nome Bucks (um tipo de cervo) foi escolhido em um concurso.

Minnesota Timberwolves – Mais um time da NBA que usou o concurso para torcedores para escolher o nome. Grande diferença? Timberwolves não venceu o concurso. Blizzards foi o vencedor. A equipe preferiu Timberwolves, já que, o estado é o único com mais de 48 matilhas de lobos livres.

New Jersey Nets – A equipe, que começou em Nova Iorque, escolheu o nome, que significa redes, e rima com dois outros times da cidade, Mets (do beisebol) e Jets (do futebol americano).

New Orleans Hornets – Quando George Shinn, um dos donos do Hornets, anunciou que a equipe se chamaria Spirits os torcedores do time, ainda em Charlotte, não gostaram. O nome lembrava um programa religioso que estava sendo investigado por fraudes.

Shinn lançou um novo concurso para escolher um nome e Hornets (um tipo de vespa) venceu. Shinn falou da história do nome. Um soldado britânico chamou a cidade de “um ninho de vespas” durante a revolução americana.

New York Knicks – Knicks é um abreviação de Knickerbockers, um tipo de calça usada por holandeses que chegavam ao “novo mundo”. Muitos deles moravam em Nova Iorque, onde um desenho do Pai Knickerbocker ficou famoso como um dos símbolos da cidade.

Oklahoma City Thunder – O nome mais sem graça da NBA (junto do uniforme mais sem graça e do logo mais feio) foi votado por torcedores, quando o Seattle Supersonics mudou-se para a cidade.

Orlando Magic – Mais um time com o nome escolhido pelos fãs. Perfeito para a casa da Disney World.

Philadelphia 76ers – Uma alusão à assinatura da Declaração de Independência dos EUA na cidade, em 1776.

Phoenix Suns – Que surpresa, mais um time que deixou os torcedores quebrarem a cabeça mandando nomes. Mais de 28.000 sugestões foram enviadas, Suns foi a escolhida.

Portland Trail Blazers – Quando a cidade recebeu uma franquia da NBA, lançou um concurso para escolher o nome do time. Pioneers venceu, mas foi descartado, a Universidade Lewis & Clark já usava o nome. Trail Blazers, que tem o logo representando cinco atletas de um lado e cinco de outro, era a segunda escolha.

Sacramento Kings – O time se chamava Rochester Royals, em 1945. Com a mudança para Cincinatti recebeu o nome de Kings dos fãs. O nome permaneceu em Sacramento.

San Antonio Spurs – Um grupo de investidores comprou o Dallas Chaparrals da ABA e, rapidamente, mudou o nome do time para San Antonio Gunslingers. Antes da primeira partida, o time mudou de nome para Spurs. Alguns dizem que foi em um concurso mas, o, então dono, Red McCombs, nasceu em Spur, Texas.

Toronto Raptors – O Raptors chegou na Liga junto com o Vancouver Grizzlies, mas é o único time fora dos EUA. Uma empresa de marketing fez uma grande pesquisa no Canadá, em 1994, para descobrir o melhor nome. O filme Jurassic Park encantou o mundo um ano antes, Raptors eram populares na época.

Utah Jazz – Com a franquia em Utah, que não é famosa por seu Jazz, e um time em Nova Orleans, o nome da equipe perde o sentido. Mas, o Jazz começou sua história em Nova Orleans, cidade conhecida pela música. Talvez fosse melhor que o time de Salt Lake City entregasse o nome para o de Nova Orleans.

Washington Wizards
– Em 1990 o dono do então Washington Bullets resolveu mudar o nome do time. Bullets (balas) tinha uma conotação violenta para Abe Pollin, dono da franquia, principalmente depois da morte de Yitzhak Rabin, primeiro ministro de Israel, amigo de Pollin. O nome venceu um concurso.

    Data/hora atual: Sex Ago 22, 2014 12:55 am